CAOSSADA pisada por Ricardo Wagner


A ROBERTO PIVA

Lá fora, o menor impúbere gangorra

No parquinho central pichado.

Aqui, dentro do apartamento, Gomorra.

Epilético, como é cediço (e como!)

O espetáculo principia:

Derradeira convulsão? Não.

Caso fosse eu omisso

Jamais empurraria minha pica

(Fraude contra credores, haja vista

que sugere ereção eunuca)

Na goela abaixo dele

A fim de desatar a língua

Homocida.

Ejaculei na garganta dele.

Aquele beiço macilento

Espumava e transbordava desespero.

C’a convulsão, ele cerrou os dentes podres

De tal forma, que guirlandou a glande.

Esporrei – descomedidamente.

Ele morreu agônico;

Eu de gáudio.

Em sua boca singravam

Saliva sangue porra.

E o menininho lá,

Sorrindo limpo,

Na gangorra

Empurrada pela heteroparentalidade.



Escrito por Ricardo Wagner Alves Borges às 02:31:37 PM
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]




 
Histórico
  19/02/2006 a 25/02/2006
  12/02/2006 a 18/02/2006
  22/01/2006 a 28/01/2006
  25/12/2005 a 31/12/2005
  04/12/2005 a 10/12/2005
  20/11/2005 a 26/11/2005
  13/11/2005 a 19/11/2005
  06/11/2005 a 12/11/2005


Outros sites
  CAOSSADA (blogue antigo)
Votação
  Dê uma nota para meu blog



O que é isto?